Aba 1

Postado em 11 de Fevereiro de 2019 às 08h58

Acenm-cdl esclarece sobre suposta pesquisa que esta oferecendo certificado as empresas de Nova Mutum

Acenm/CDL Uma pesquisa envolvendo o seguimento do comercio mutuense vem sendo realizada por uma empresa desconhecida dos seguimentos representativos do comercio local. Em virtude de duvidas por parte dos comerciantes, a...

Uma pesquisa envolvendo o seguimento do comercio mutuense vem sendo realizada por uma empresa desconhecida dos seguimentos representativos do comercio local.

Em virtude de duvidas por parte dos comerciantes, a Associação Comercial e Empresarial de Nova Mutum e Câmara dos Dirigentes Lojistas (Acenm-cdl), vem prestar esclarecimentos de que a entidade não tem nenhum vinculo com a tal pesquisa, tendo como pesquisa oficial o tradicional prêmio Top Of Mind.

Representando um escritório de contabilidade de Nova Mutum, Mariana Pavan, foi uma das pessoas procuradas pela empresa de pesquisas, e segundo ela, por telefone, eles afirmavam que a empresa onde ela atua havia liderado uma pesquisa de satisfação do atendimento.

Por desconhecer a realização da pesquisa no município, ela descartou a possibilidade de arcar com o valor proposto, para ter direito ao certificado.

O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Nova Mutum, Joelmir Fáccio, afirmou que também recebeu a ligação desta empresa no seu estabelecimento comercial, e com propriedade sobre a proposta, fez questão de esclarecer que dentro do município existe a tradicional pesquisa Top Of Mind, que diga-se de passagem é realizada dentro de um critério que é bem conhecido pela sociedade.

“Nosso posicionamento é em caráter de orientação, que os empresários avaliem, tendo em vista que a pesquisa feita pela nossa entidade é baseada em um sistema bem criterioso, e independente de participar ou não no evento de entrega, onde oferecemos um grande jantar, o vencedor recebe o seu prêmio, ao contrário desta pesquisa, onde se oferece o certificado a partir de um valor estipulado pela tal empresa de pesquisa”, concluiu Joelmir.

Veja também

Decisão do STF exige certidão negativa para homologação de recuperação judicial15/09/20 A medida liminar deferida pelo STF que exige certidão negativa para homologação de recuperação judicial foi solicitada pela procuradoria-Geral da Fazenda Nacional O Supremo Tribunal Federal (STF) deferiu a medida liminar solicitada pela Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN) contra decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que dispensava a......
Impacto esperado do aumento do ICMS sobre o preço das bebidas18/12/14 A Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) de Mato Grosso publicou no último dia 09 de dezembro a Portaria no 270/2014 que trata de reajuste (aumento) sobre os preços mínimos para determinação da base de cálculo......

Voltar para Notícias

Nós utilizamos Cookies para trazer uma experiência mais relevante nas suas navegações. Para saber mais acesse nossa Política de Privacidade.