Aba 1

Postado em 08 de Outubro de 2015 às 13h49

Consumidor opta pela moderação no Dia das Crianças

Acenm/CDL O consumidor está menos disposto a comprar presentes e vai gastar menos este ano para comemorar o Dia das Crianças, segundo levantamento nacional realizado pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de...

O consumidor está menos disposto a comprar presentes e vai gastar menos este ano para comemorar o Dia das Crianças, segundo levantamento nacional realizado pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). A pesquisa mostrou que 75% planejam ir às compras para essa data, o que representa uma queda em comparação aos 81% do levantamento realizado em 2014.

Além disso, 59% pretendem gastar menos ou a mesma quantia do ano passado para comemorar o Dia das Crianças e 41% planejam comprar mais. O levantamento da Boa Vista SCPC mostrou que a maioria (27%) gastará menos por contenção de despesas, enquanto 22% alegam que o motivo da retração é o aumento dos preços e 20% dizem que vão priorizar o pagamento de outras despesas, como contas de água e de luz e mensalidades escolares.

O valor médio do presente para as crianças será de R$ 188 este ano, o que significa uma queda de 11% em relação ao ano passado (sem levar em conta a inflação), de acordo com a pesquisa. No geral, 51% pretendem gastar até R$ 100 (21% até R$ 50 e 30% entre R$ 51 e 100).

A pesquisa da Boa Vista SCPC revelou também que 67% presentearão os filhos no Dia das Crianças e 28% vão lembrar dos sobrinhos e 15% dos afilhados.

As compras para lembrar a data serão baseadas principalmente no desejo das crianças (32%), enquanto 25% levarão em conta principalmente o preço.

O levantamento mostrou que 40% dos consumidores vão presentear as crianças com brinquedos, o que representa uma queda em relação aos anos anteriores (a fatia dos que deram prioridade aos brinquedos foi de 62% em 2013 e de 47% em 2014).

Já os eletrônicos ganharam espaço este ano: o levantamento da Boa Vista SCPC mostrou que 28% comprarão esses produtos para o Dia das Crianças, em comparação a 23% que fizeram essa opção no ano passado e 13% em 2013. Vestuário e calçados serão o alvo para 21% dos entrevistados, em comparação a 17% no ano passado.

A pesquisa da Boa Vista SCPC mostrou que 64% dos consumidores vão comprar o presente para o Dia das Crianças à vista, um crescimento de 10 pontos percentuais em relação ao levantamento do ano passado. Outros 36% optarão pelo parcelamento, dos quais 72% pagarão com cartão de crédito e 23% via carnê ou boleto.

Fonte: Boa Vista SCPC

Veja também

Contribuintes do Simples Nacional já podem parcelar débitos com Receita13/12/16 Os contribuintes optantes pelo Simples Nacional e que tenham débitos com a Receita Federal relativos a competências até maio de 2016 poderão optar pelo parcelamento da dívida em até 120 meses, com prestação mínima de R$ 300. O prazo de opção começa hoje e vai até o dia 10 de março de 2017. A opção pelo......
65% DOS BRASILEIROS NÃO POSSUEM RESERVA FINANCEIRA01/06/17 Em março, 76% não conseguiram guardar dinheiro. Entre os poupadores, média geral reservada foi de R$ 502. Apenas 14% dos que poupam pensam na aposentadoria O Indicador de Reserva Financeira, calculado pelo Serviço de......
Cartão de crédito: saiba o que muda com as novas regras do rotativo30/01/17Objetivo das novas regras é evitar o endividamento do consumidor, que paga altas taxas quando não quita o valor integral da fatura no vencimento As novas regras para utilização do crédito rotativo do cartão entram em vigor no dia 3 de abril, de acordo com a Folha de S. Paulo. O objetivo das mudanças é evitar o endividamento do consumidor, que paga altas taxas......

Voltar para Notícias

Acesse o regulamento no anexo a seguir:

Nós utilizamos Cookies para trazer uma experiência mais relevante nas suas navegações. Para saber mais acesse nossa Política de Privacidade.