Aba 1

Postado em 16 de Abril de 2014 às 10h32

Saito participa do 1º Fórum CACB Mil, em Brasília

Acenm/CDL Novo Conteúdo 01 O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Nova Mutum (Acenm), Carlos Alexandre Saito, participou do 1º Fórum CACB Mil, realizado na última semana, em Brasília, com a...

O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Nova Mutum (Acenm), Carlos Alexandre Saito, participou do 1º Fórum CACB Mil, realizado na última semana, em Brasília, com a presença de aproximadamente 2 mil pessoas. Promovido pela Confederação das Associações Comerciais do Brasil (CACB), o encontro reuniu lideranças de Federações e Associações Comerciais de todo país, autoridades e personalidades do mundo dos negócios, além da presidente da república Dilma Rousseff e do ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Guilherme Afif.

Assista a íntegra da palestra Tem Saída, com o economista e professor Eduardo Giannett, durante 1º Fórum Nacional CACB Mil:
https://www.youtube.com/watch?v=jmYAElLhjxc (1ª parte)
https://www.youtube.com/watch?v=4WsV1BqthjI (2ª parte)
https://www.youtube.com/watch?v=MHNKKbCRtXE (3ª parte)

Com o objetivo de estimular a integração e o debate entre as Associações Comerciais e Empresariais, o evento contou com palestras coordenadas por especialistas, com foco no cenário político-econômico do país e do mundo. Foram realizadas ainda plenárias, painéis temáticos e feira de negócios.

Para Saito, “o fórum foi uma grande oportunidade de demonstrar para a presidente Dilma a força representativa do setor empresarial, reivindicando melhorias para o setor”. Assuntos como benefícios reais para as MPEs, diminuição da burocracia e desoneração da carga tributária fizeram parte das discussões. “O encontro também foi importante entender o mais sobre o atual cenário econômico do Brasil e para conhecer novas ações que estão fazendo diferença em outros municípios do nosso país, através de troca de experiências com outros presidentes de Associações Comerciais”, complementou o presidente da Acenm.

Em seu discurso, Dilma Rousseff ressaltou a importância de se estabelecer debates para atender as demandas da classe empresarial. "Quanto mais estivermos perto da demanda, quanto mais pudermos trabalhar e discutir, melhor será a nossa agenda e as nossas realizações. Eu acredito na força do pequeno município, da micro e pequena empresa, da pequena propriedade, dessa classe empreendedora que sustenta nosso movimento. Que este Fórum seja o primeiro de muitos e que nós possamos sempre escutar, dialogar e conviver", afirmou.

Guilherme Afif apresentou palestra sobre as MPEs no contexto econômico atual. No painel sobre Planejamento e Gestão, se apresentaram Luiz Barreto, diretor presidente do Sebrae Nacional, e Osmar Dias, vice-presidente de Agronegócios e Micro e Pequenas empresas do Banco do Brasil. Houve ainda conferência sobre Sustentabilidade Econômica, painel sobre Empreendedorismo Vitorioso e, finalmente, a palestra com o economista e professor do Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper), Eduardo Giannetti da Fonseca.

Com informações: Facmat/Assessoria

Veja também

Sorteio do Natal Dourado da Acenm/CDL acontecerá neste sábado11/01/17Serão 24 prêmios no total de R$32 mil reais A Associação comercial e Empresarial de Nova Mutum e a Câmara de Dirigentes Lojistas (Acenm/CDL) realizará no próximo sábado (14) o sorteio da promoção Natal Dourado 2016. Serão 24 premiações no total de 32 mil reais, sendo elas: 9, 7, 5, 3 mil reais e 20 premiações de 400 reais. O Sorteio será realizado no......
Acenm/CDL expõe preocupação com o impacto do Decreto 38003/03/16 O Decreto 380/2015 que entraria em vigor no dia 1º de abril foi prorrogado por 90 dias. A decisão foi tomada em reunião no Palácio Paiaguás com deputados estaduais e representantes dos segmentos empresariais. O decreto......
65% DOS BRASILEIROS NÃO POSSUEM RESERVA FINANCEIRA01/06/17 Em março, 76% não conseguiram guardar dinheiro. Entre os poupadores, média geral reservada foi de R$ 502. Apenas 14% dos que poupam pensam na aposentadoria O Indicador de Reserva Financeira, calculado pelo Serviço de......

Voltar para Notícias