Aba 1

Postado em 20 de Maio às 10h06

Simples Nacional pode ser pago pela plataforma Pix

Jurídico e Tributário (128)

Atenção, varejistas! Tem novidade à vista. A partir de agora, o Simples Nacional pode ser pago pela plataforma Pix. É isso mesmo, a possibilidade abrange os mais de 16 milhões de contribuintes, entre micro e pequenas empresas, que vão poder recorrer à ferramenta do Banco Central para pagar os tributos unificados.

Para isso, o sistema foi atualizado e o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS) agora passa a ser emitido com QR Code para que os interessados paguem no aplicativo do próprio banco, via Pix.

O DAS é pago mensalmente e a novidade permite que esses pagamentos sejam feitos de forma rápida, agilizando ainda mais o processo de regularização fiscal dos lojistas que optaram pelo regime tributário simplificado. Dessa forma, o empresário consegue emitir a certidão negativa de débitos junto à Receita em menor tempo.

O objetivo da Receita Federal é garantir que, aos poucos, todos os tributos gerenciados pela pasta fazendária tenham a possibilidade de serem quitados pelo Pix. Além do DAS, o Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf) já estava habilitado para a função desde o fim do ano passado.

Os contribuintes que renegociaram os débitos junto ao Simples Nacional também podem quitá-los pela plataforma Pix. Isso porque a ferramenta facilita o pagamento das parcelas a qualquer momento do dia e por meio de qualquer instituição financeira.

Como pagar pela plataforma Pix

Fazer o pagamento dos tributos do Simples Nacional pelo Pix é muito fácil. Veja abaixo o passo a passo.

1. Acesse http://www.gov.br/mei e retire o DAS online. Ele virá com o QR code (uma espécie de código de barras, porém mais avançado).

2. Logo depois, abra o aplicativo do seu banco no celular (Bradesco, Caixa, Banco do Brasil, Nubank ou qualquer outra instituição financeira que permita as transações do Pix).

3. Em seguida, vá na guia do Pix e procure as funções de pagar ou transferir os valores, escolhendo a função de leitura do QR code.

4. Por fim, aponte a câmera do seu celular para o QR code do documento e finalize o processo de pagamento.

Em menos de 10 segundos vai aparecer a mensagem de que o pagamento foi realizado e pronto! Débito quitado.

Fonte: Vitrine do Varejo

Veja também

Sefaz suspende inscrição estadual de empresas que não aderiram ao Domicilio Tributário Eletrônico28/02/20 O Domicílio Tributário Eletrônico (DTE) é obrigatório para todas as empresas, com exceção do Microempreendedor Individual (MEI) Por Lorena Carvalho | Sefaz MT Mais de 20 mil empresas, inscritas no Cadastro de Contribuintes do Estado (CCE), não aderiram ao Domicílio Tributário Eletrônico (DTE) e podem ter sua inscrição......
Comércio mutuense e Ministério Público abordam a Covid-19 em reunião04/05/20Acenm/CDL reuniu seus diretores para alinhar políticas de controle à doença junto ao promotor de Justiça Local e autoridades municipais Cerca de 30 diretores da Acenm e da CDL Nova Mutum participaram de uma reunião com o Promotor de Justiça Henrique de Carvalho Pugliesi na manhã desta segunda-feira (04/05), no auditório das entidades, para tratar da......

Voltar para Notícias

Acesse o regulamento no anexo a seguir:

Nós utilizamos Cookies para trazer uma experiência mais relevante nas suas navegações. Para saber mais acesse nossa Política de Privacidade.